S&P reafirma ratings da África do Sul em BB-/B, com perspectiva estável

A S&P Global Ratings reafirmou o rating da África do Sul em BB-/B, com perspectiva estável, nesta sexta-feira, motivada principalmente pela existência de um banco central bem estabelecido, uma taxa de câmbio flexível com uma moeda negociada ativamente, e "mercados de capitais fortes".

Em nota, a agência de classificação de crédito pontua que a África do Sul tem aumentado sua dívida pública, e isto preocupa, visto que as receitas têm apresentado desempenho abaixo da média. Porém, como pontos fortes que permitem a manutenção do rating, a agência cita o sistema financeiro "considerável e sofisticado" do país, que proporciona uma base de financiamento "profunda", a partir da qual o governo pode compensar as suas elevadas necessidades de financiamento.

A S&P prevê que até 31 de março de 2027, a dívida bruta do governo geral aumentará, e no curto prazo, o déficit fiscal deve chegar a quase 5% do Produto Interno Bruto do país. Porém, os investimentos do setor privado em energia renovável têm sido um condutor do crescimento sul africano, o que dá maior poder para o país aumentar sua capacidade de financiamento.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes