Mudança de presidente no Bradesco é parte de estratégia robusta para próximos anos, diz Trabuco

O presidente do Conselho de Administração do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco Cappi, afirmou que a nomeação de Marcelo Noronha para presidir o banco tem como objetivo uma nova era no conglomerado em meio a um cenário desafiador sob as óticas de eficiência operacional, competitividade e regulação.

"A mudança tem o propósito de iniciar um ciclo de projetos e objetivos estratégicos robustos para os próximos anos", afirmou Trabuco, em nota à imprensa. "O contexto de mercado é absolutamente desafiador, do ponto de vista da eficiência operacional, aumento da competitividade e ambiente regulatório", acrescentou.

Sem entrar nos detalhes na razão que levaram à troca de comando no banco, Trabuco disse que cada geração de executivos tem o seu "momento de maturação, ritos de passagem e patrimônios acumulados como legado".

"O momento representa um cenário propício para dar visão renovada aos movimentos necessários em direção aos objetivos colocados pelo Conselho de Administração do Bradesco", afirma Trabuco.

Ele, que presidiu o banco por quase uma década antes de assumir o comando do colegiado, teceu ainda elogios ao novo presidente do Bradesco. "Marcelo Noronha apresenta carreira consistente, sólida, e acreditamos que suas prerrogativas serão adequadas e compatíveis à conjuntura econômica e às exigências do mercado", diz.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes