Só discutir se alíquota é muito alta ou não já é grande ganho, diz secretário, sobre tributária

O secretário da Receita Federal, Robinson Barreirinhas, afirmou nesta segunda-feira, 27, que só o fato de se estar discutindo, por meio da reforma tributária, se a alíquota sobre consumo é muito alta ou não já é um grande ganho para o País. Ele participa do XVI Encontro Nacional de Administração Tributária (Enat), em Brasília.

"Só o fato de nós estarmos discutindo isso, num país em que a alíquota real é mais de 34%, sem contar o IPI, é sinal de que isso está sendo enfrentado", disse Barreirinhas, ao comentar a discussão sobre a alíquota do Imposto sobre Valor Agregado (IVA) dual que será criado com a aprovação da reforma tributária.

O secretário também defendeu que a mudança no sistema de tributos é uma grande oportunidade para melhorar a troca de informações entre as administrações tributárias federal, estaduais e municipais no País.

De acordo com ele, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma também permite o avanço na digitalização.

Ele disse que já houve no País um aprendizado por meio da criação da Nota Fiscal Eletrônica.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes