Dólar amplia ritmo de alta do início e vai a R$ 4,90 com disputa por Ptax

Depois de uma abertura muito próxima da estabilidade, chegando a flertar com a queda, o dólar assumiu tendência de alta na manhã desta quarta-feira, 29, ainda que bastante moderada. A moeda norte-americana seguia no nível de R$ 4,89 na segunda metade da manhã, após bater no nível de R$ 4,90.

Segundo Hideaki Iha, operador de câmbio da Fair Corretora, é a ação de investidores do mercado futuro que vem interferindo nas cotações nesta manhã, atentos à formação da taxa Ptax de novembro, enquanto aguardam os eventos esperados para o dia.

Iha lembra que o dólar acumula queda de 3% em outubro, o que favorece bastante os investidores "vendidos" no mercado futuro.

"Mas o dia ainda está apenas começando e não há ainda noticiário mais relevante, como a divulgação da preliminar do PIB dos Estados Unidos", disse o profissional, sobre a segunda leitura do Produto Interno Bruto americano, que seria conhecida após sua afirmação.

Às 10h05, o dólar à vista era cotado a R$ 4,9002, na máxima do dia, em alta de 0,58%. O dólar futuro para dezembro subia 0,54%, aos R$ 4,8990.

Às 10h56, o dólar à vista subia 0,55% e era cotado a R$ 4,8980.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes