Indústria de transformação fica estável em outubro ante setembro, aponta IBGE

A produção da indústria de transformação ficou estável (0,0%) em outubro ante setembro, na série com ajuste sazonal, segundo os dados da Pesquisa Industrial Mensal, divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A média global da indústria registrou leve alta de 0,1%. No mesmo período, as indústrias extrativas recuaram 1,1%.

Apesar do desempenho melhor que do segmento extrativo em outubro, a indústria de transformação avançou em apenas dois meses neste ano, na série em comparação ao mês imediatamente anterior, com ajuste sazonal: janeiro (-0,8% na produção da indústria de transformação), fevereiro (-0,4%), março (1,4%), abril -0,7%), maio (0,0%), junho (-0,3%), julho (-0,4%), agosto (1,1%), setembro (-0,3%) e outubro (0,0%).

"A indústria de transformação está em nível 0,5% abaixo daquele que encerrou o ano passado, de dezembro de 2022", disse André Macedo, gerente da Coordenação da Indústria do IBGE. "O setor extrativo é o destaque do ano, é o que garante o comportamento não negativo da indústria no ano."

A indústria de transformação acumulou uma queda de 0,9% de janeiro a outubro deste ano, que tem como base de comparação o mesmo período do ano anterior. Já as extrativas tiveram expansão de 5,4%. Na média global, a produção industrial ficou estável (0,0%) no ano.

No acumulado em 12 meses, houve recuo de 0,7% na indústria de transformação, mas alta de 3,7% nas extrativas. Na média global, a produção industrial em 12 meses também ficou estável (0,0%).

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes