Haddad diz que pediu para os EUA estimularem a aproximação das empresas em renováveis

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, manifestou neste sábado, 2, ao enviado do presidente Joe Biden para questões de clima, John Kerry, o desejo de os Estados Unidos estimularem a aproximação das empresas americanas com as brasileiras na "produção do que é necessário para produzir energias renováveis no Brasil".

A ideia é que a cooperação entre companhias americanas e brasileiras torne o Brasil mais independente de componentes estrangeiros necessários na energia solar, eólica e de hidrogênio verde.

Haddad reuniu-se com Kerry no pavilhão do Brasil na 28ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP28), que ocorre em Dubai (Emirados Árabes Unidos).

"Recebi o senhor Kerry com satisfação sobretudo pelo apoio dos EUA ao Plano de Transformação Ecológica", disse Haddad.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes