Conteúdo publicado há 2 meses

Alesp faz primeira sessão para discutir projeto de privatização da Sabesp

A Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), começou no período da tarde desta segunda-feira, 4, a primeira sessão, em plenário, referente à privatização da Sabesp. O objetivo do governo neste dia de baixo quórum é "queimar cartucho", disse o deputado estadual Guilherme Cortez (PSOL), ao Broadcast Político, sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado.

Líder do governo, o deputado Jorge Wilson (Republicanos) afirmou que, das seis horas regimentais previstas para a discussão do projeto, o governo pretende "queimar" pelo menos quatro horas nesta segunda-feira.

Uma sessão na terça-feira, 5, continuaria a discussão e, nas previsões da base, o projeto seria aprovado na quarta-feira, 6.

Nos corredores da Alesp se fala em votar o projeto ainda no período da noite desta segunda-feira, mas a possibilidade foi descartada pelo líder.

Lideranças da oposição acreditam até mesmo que o projeto possa ser arrematado na terça-feira.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes