Membros do Mercosul concordam com a necessidade de dinamizar o bloco

Os presidentes do Brasil, Argentina, Paraguai, Uruguai e Bolívia - que está em processo de adesão ao Mercosul - concordaram na necessidade de dinamizar o bloco e reconheceram que o grupo ainda enfrenta dificuldades para o comércio e a integração, conforme nota divulgada pelo Ministério das Relações Exteriores (MRE).

Os países se comprometeram a prosseguir com o aperfeiçoamento dos acordos comerciais com o Chile, a Colômbia e o Peru, apontou o MRE. Enfatizaram a importância de avançar na atualização do Regime de Origem com o Chile, no acesso ao mercado agrícola, no regime de solução de controvérsias e na atualização da nomenclatura tarifária com a Colômbia, bem como em acesso a mercado agrícola, zonas francas e certificação de origem digital com o Peru.

E voltaram a manifestar suas expectativas em acordar uma instância de diálogo com os Emirados Árabes Unidos e lançar, o quanto antes, as negociações de um acordo comercial mutuamente benéfico entre o bloco e aquele país, disse o MRE.

Além disso, os presidentes destacaram a relevância de se aperfeiçoar a Tarifa Externa Comum (TEC) e de continuar analisando a inclusão do setor automotivo nos acordos do bloco.

Os países se comprometeram a continuar a trabalhar para internalizar e implementar o novo Regime de Origem Mercosul (ROM), concluído em julho de 2023, em Puerto Iguazú, para a integração dos setores produtivos dos Estados Partes.

Entre outros temas, o países reiteraram seu compromisso para alcançar uma integração fronteiriça que priorize as necessidades das populações que habitam as fronteiras compartilhadas pelos Estados Partes e promova o desenvolvimento de economias regionais.

Além disso, informou o MRE, os países comprometeram-se a defender um sistema de comércio internacional de produtos agrícolas justo, transparente, equitativo e previsível. Também frisaram a importância de continuar avançando na integração energética da região, especialmente no que diz respeito à interconexão elétrica.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes