Kassab diz ver com preocupação 'divergência' de pensamento fiscal entre Lula e Haddad

O presidente do PSD e secretário de Governo do Estado de São Paulo, Gilberto Kassab, disse nesta segunda-feira, 11, que vê com preocupação o que chama de "divergência" entre o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, com relação à política fiscal.

Em um evento organizado pela XP Investimentos na manhã desta segunda-feira, ele afirmou que é difícil acreditar que o ano vai terminar com o governo buscando o equilíbrio fiscal, por não ser essa, de acordo com ele, a visão do presidente Lula.

"Não vejo o ano terminando com o governo buscando o equilíbrio fiscal, porque esse não é o pensamento do Lula", disse Kassab, acrescentando ver essa "divergência" com muita preocupação.

Para Kassab, a despeito de o ministro da Fazenda de fato querer buscar o ajuste fiscal, o equilíbrio se torna difícil porque está na mesa a vontade de um ministro contra a do chefe de Estado.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora