FMI saúda medidas anunciadas pela Argentina e prevê melhora das finanças públicas

A diretora de Comunicações do Fundo Monetário Internacional (FMI), Julie Kozack, afirmou que o Fundo saúda medidas anunciadas nesta terça-feira, 12, pelo novo Ministro da Economia da Argentina, Luis Caputo, indicando que as mudanças consideradas "ousadas" visam "melhorar significativamente as finanças públicas de uma forma que proteja os mais vulneráveis da sociedade e fortaleça o regime cambial".

Segundo Kozack, a implementação das medidas também deverá ajudar na estabilização da economia do país e a estabelecer as bases para um crescimento mais sustentável e liderado pelo setor privado.

"Depois das graves revelações na política econômica dos últimos meses, este novo pacote de medidas constitui uma boa base para prosseguir as discussões encaminhadas e reconduzir o atual programa respaldado pelo Fundo".

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes