Petrobras confirma acordo judicial para recebimento de R$ 1,2 bi da Eletrobras

A Petrobras confirmou nesta terça-feira, 12, acordo judicial com a Eletrobras para o recebimento de R$ 1,2 bilhão. O acordo é relativo à cobrança das diferenças de correção monetária e juros do Empréstimo Compulsório da Eletrobras, e foi aprovado pelo Conselho de Administração da Petrobras em reunião na segunda-feira, 11.

Segundo a Petrobras, esse acordo está condicionado à homologação judicial e põe fim ao processo judicial iniciado em 2010, reduzindo custos com litígio e otimizando os recursos da Petrobras.

O pagamento deve ser efetuado em até cinco dias úteis após o trânsito em julgado da sentença que reconhece a autocomposição.

Segundo a estatal, o acordo terá efeito positivo no resultado consolidado da companhia.

Mais cedo, ao informar sobre o acordo, a Eletrobras informou que vai pagar R$ 1,156 bilhão à Petrobras, montante relacionado à diferença de correção monetária de créditos escriturais de energia elétrica.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes