É cedo para pensar em quando cortar juros nos EUA, afirma dirigente do Fed

Presidente da distrital do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) em Nova York, John Williams afirmou que é prematuro pensar sobre quando começar a cortar juros. No momento, a principal questão para o Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC, na sigla em inglês) é se as taxas estão no patamar adequado, disse o dirigente nesta sexta-feira, 15, em entrevista à CNBC.

Williams afirmou ainda que a política monetária está funcionando como pretendido, e que o Fed está confiante de que a inflação atingirá a meta.

Ele falou que, no geral, as condições financeiras ficaram mais apertadas, a despeito da recente volatilidade do mercado.

"Temos que olhar o movimento constante e não o que sobe e desce", falou ele.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes