Aprobio diz que aumento da mistura dá previsibilidade ao setor para investimentos

A Associação dos Produtores de Biocombustíveis do Brasil (Aprobio) disse, em nota, que a antecipação da mistura de biodiesel para B14 no próximo ano e para B15 em 2025 dá "previsibilidade e segurança jurídica para o setor retomar investimentos e acelerar o processo de descarbonização do transporte no Brasil". Segundo a entidade, o setor está pronto para atender a nova demanda com a capacidade instalada atual.

"É uma sinalização positiva para que o País possa avançar mais rapidamente para cumprir as metas de descarbonização, já que o biodiesel provou sua eficiência e qualidade para reduzir as emissões de gases de efeito estufa (GEE) imediatamente, sem custos de mudança de motor ou investimento em infraestrutura de abastecimento", disse o presidente do Conselho de Administração da Aprobio, Francisco Turra.

Segundo ele, a decisão também fortalece o setor da agricultura familiar beneficiado pelo Selo Biocombustível Social e dá segurança jurídica e previsibilidade para que todo o setor possa continuar a avançar com mais investimentos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora