Ibovespa absorve correções e sustenta leve alta após upgrade do Brasil

O Índice Bovespa sustenta leve alta na manhã desta quarta-feira, 20, depois de ter iniciado o dia em queda. As operações de realização de lucros foram absorvidas pela retomada do apetite por risco, um dia depois que a agência de classificação de risco S&P elevou a classificação de risco do Brasil.

Para Rodrigo Ashikawa, economista da Principal Claritas, o Brasil se beneficia hoje tanto de fatores externos quanto internos.

Além da expectativa de afrouxamento da política monetária nos Estados Unidos, cujo "timing" ainda é observado, o upgrade da nota de crédito brasileira também contribui, pela percepção de melhora do ambiente com o avanço da reforma tributária.

"Algumas medidas importantes propostas pelo ministro Fernando Haddad passaram, mas faltam outras importantes, com a medida provisória da subvenção do ICMS. Mas o contexto geral para Brasil justifica o bom desempenho da Bolsa", afirma o economista.

Às 11h06, o Ibovespa subia 0,20%, aos 132.154,47 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes