Caged: setor de serviços abre 92.620 vagas e comércio gera 88.706 postos em novembro

A abertura líquida de 130.097 vagas de trabalho com carteira assinada em novembro no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) foi novamente puxada pelo desempenho do setor de serviços no mês, com a criação de 92.620 postos formais, seguido pelo comércio, que abriu 88.706 vagas.

Todos os setores restantes, contudo, demitiram em novembro. A indústria geral teve saldo negativo de 12.911 postos, a construção civil fechou 17.300 vagas e a agropecuária encerrou 21.017 vagas no mês.

No 11º mês do ano, 23 das Unidades da Federação obtiveram resultado positivo no Caged. O melhor desempenho entre os Estados foi registrado em São Paulo, com a abertura de 47.273 postos de trabalho. Já o pior desempenho foi observado em Goiás, que registrou o fechamento de 7.073 vagas em novembro.

O salário médio de admissão nos empregos com carteira assinada foi de R$ 2.021,73 em novembro. Comparado ao mês anterior, houve uma diminuição de R$ 9,63.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes