Ministério da Agricultura discute modernização do modelo atual do seguro rural

O Ministério da Agricultura está debatendo a reestruturação do programa de subvenção ao seguro rural adotado no País. Um dos modelos em estudo é a adaptação ao sistema mexicano, no qual as indenizações são atreladas a parâmetros meteorológicos como precipitações. "Precisamos modernizar o seguro rural no Brasil. Temos ferramentas muito modernas disponíveis no mercado e culmina também com a comprovação de que as mudanças climáticas chegaram de fato ao campo", disse o ministro da Agricultura, Carlos Fávaro, após reunião técnica da pasta com o presidente do Conselho de Administração e Proteção Agropecuária do México, Juan Carlos Cortés, e com o ex-ministro Roberto Rodrigues, um dos responsáveis pela criação do PSR.

De acordo com o ministro, assim que o novo modelo for definido será apresentado como alternativa ao mercado.

"Debatemos mudanças que venham a dar mais garantia aos produtores e custo acessível, onde o governo possa, também, dentro das suas limitações orçamentárias, comparecer com a subvenção", afirmou Fávaro.

A reformulação do seguro rural voltou à tona após o aumento de sinistros e de indenizações nas últimas safras decorrente das intempéries mais frequentes, o que levou algumas seguradoras a deixarem a atuação no segmento rural.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes