Bolsas da Europa sobem, com Frankfurt inibido por PIB; Madri retoma 10 mil pontos com BBVA

As bolsas da Europa fecharam em alta nesta terça-feira, 30, com os ganhos limitados no mercado de Frankfurt, após dados preliminares de atividade indicarem contração econômica da Alemanha. Entre as ações individuais, as do BBVA dispararam com o anúncio pelo banco espanhol de novo plano de recompra de ativos, na sequência do aumento do lucro. O ímpeto fez com que o IBEX-35, principal referencial da Bolsa de Madri, retomasse patamar acima de 10 mil pontos. A Renault subiu após a montadora desistir dos planos de listagem separada de seus negócios com veículos elétricos e software.

Em Frankfurt, o DAX subiu 0,18%, aos 16.972,34 pontos. O desempenho ficou aquém da alta do FTSE-100, de Londres, que avançou 0,44%, aos 7.666,31 pontos e do CAC-40, de Paris, que ganhou 0,48%, aos 7.677,47 pontos. A economia da zona euro estagnou nos últimos três meses de 2023, após uma contração de 0,1% no período anterior, mostraram estimativas preliminares. O bloco comum evitou uma recessão no final do ano passado, num contexto de crescimento melhor do que o esperado da Espanha e Itália, enquanto a economia francesa estagnou e a da Alemanha registrou contração de 0,3%.

Em Madri, o índice referencial IBEX-35 subiu 1,51%, para fechar em 10.039,30 pontos. A principal alta porcentual foi do BBVA, que avançou 6,16% após informar que planeja realizar uma recompra de ações equivalente a US$ 846 milhões diante do aumento do lucro no quarto trimestre, o que induziu um novo recorde no desempenho anual. O banco espanhol informou, nesta terça-feira, que o lucro líquido nos três meses até ao final de dezembro foi de 2,06 bilhões de euros, acima dos 1,58 bilhão de euros no mesmo período de 2022 e da expectativa de 1,96 bilhão de euros, de acordo com o consenso dos analistas fornecido pelo banco. O lucro anual foi de 8,02 bilhões de euros.

Em Paris, os papéis da Renault terminaram o pregão em alta de 1,31%. A empresa informou que, considerando as atuais condições do mercado acionário e a maior geração de caixa, decidiu cancelar o processo de IPO da Ampere, a unidade que engloba os negócios com carros elétricos e software, segundo comunicado no site da montadora.

Em Milão, o FTSE Mib fechou com ganho de 1,29%, aos 30.623,27 pontos. O PSI-20, benchmark da Bolsa de Lisboa, marcou alta de 0,63%, aos 6.292,61 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes