Mercadante diz que trecho Norte do Rodoanel deve ser incluído no novo PAC

O presidente do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Aloizio Mercadante, disse nesta sexta-feira, 2, que o trecho Norte do Rodoanel, em São Paulo, é um projeto prioritário do banco e que está em processo de inclusão no novo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal.

A obra irá receber cerca de R$ 1,35 bilhão em recursos do BNDES, conforme anunciou o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na manhã desta sexta, em cerimônia em comemoração ao aos 132 anos do porto de Santos, no litoral paulista.

A conclusão do trecho Norte do Rodoanel deverá retirar de circulação cerca de 84 mil veículos do fluxo diário da marginal Tietê, na capital paulista, de acordo com o BNDES.

O trecho a ser construído deverá ter 19,7 quilômetros de vias em quatro faixas e outros 26,1 quilômetros de vias em três faixas, com velocidade diretriz de 120 km/h.

Ainda de acordo com o BNDES, o trecho Norte do Rodoanel deverá ter 14 túneis, totalizando 12 quilômetros de extensão, ou aproximadamente um quarto de toda a rodovia.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes