Taxas futuras de juros têm viés de baixa com dólar e após varejo fraco

Apesar da alta dos retornos dos Treasuries e números piores do setor público consolidado, os juros futuros operam estáveis na manhã desta quarta-feira, 7, diante do viés de baixa do dólar ante o real e após o desempenho fraco das vendas no varejo em dezembro.

As vendas do comércio varejista caíram 1,3% em dezembro ante novembro, bem abaixo da estimativa mais pessimista colhida pelo Projeções Broadcast, de queda de 0,6%.

A projeção mais otimista era alta de 0,4%, e a mediana das estimativas apontava queda de 0,2% nas vendas do varejo de dezembro.

Às 9h45, a taxa do contrato de depósito interfinanceiro (DI) para janeiro de 2025 marcava 9,935%, de 9,941% no ajuste anterior.

O DI para janeiro de 2027 estava em 9,790%, de 9,817%, e o para janeiro de 2029 recuava para 10,240%, de 10,255% no ajuste de ontem.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes