Auditores aceitam proposta e encerram greve hoje

Os auditores da Receita Federal aceitaram a proposta do Ministério da Fazenda referente ao bônus de produtividade e, conforme o Estadão/Broadcast antecipou, decidiram encerrar a greve iniciada em 20 de novembro do ano passado. Os auditores, porém, manterão o estado de mobilização até que o decreto com as novas regras seja publicado pelo governo. A expectativa é de que isso aconteça em 15 dias úteis.

Pessoas a par das negociações informaram que a proposta aprovada prevê pagamento de um bônus progressivo a partir de 2024: o teto começa em R$ 4,5 mil e chega a R$ 11,5 mil em 2026. Esse bônus foi convertido em lei em 2017, mas a regulamentação só saiu em 2023.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes