País tem capacidade para elevar oferta de energia solar em 100 vezes, diz diretor da Petrobras

O diretor de Sustentabilidade da Petrobras, Mauricio Tolmasquim, afirmou que o Brasil possui capacidade para aumentar a energia solar em até 100 vezes. Hoje, segundo o executivo, a capacidade instalada nacional é de 30 gigawatts (GW), valor classificado por ele como um número já relevante, mas que pode aumentar em grande escala.

Com relação a energia eólica, Tolmasquim acrescentou que a capacidade instalada nacional também está próxima de 30 gigawatts, mas que é possível multiplicar esse total em 25 vezes considerando apenas o potencial em terra (onshore).

Sobre o montante em alto-mar (offshore) "é outro potencial enorme", acrescentou o diretor de sustentabilidade da Petrobras.

"Temos um potencial de recursos não apenas em quantidade, mas qualidade. O mesmo aerogerador colocado no Brasil deve produzir o dobro de energia que o mesmo produto na Europa. Traduzimos isso como fator de capacidade. Temos a abundância, mas não apenas nos recursos, mas a abundância com qualidade, o que nos permite ter baixo custo", afirmou Tolmasquim durante o seminário "Energia limpa: A transição energética no Brasil" realizado pela Folha de S.Paulo nesta segunda-feira, 19.