Concurso passa pela natureza da Caixa, somos diferentes dos outros bancos, diz Vieira

O presidente da Caixa Econômica Federal, Carlos Vieira, afirmou nesta quarta-feira, 28, que o banco está indo na contramão do setor ao reforçar o quadro de funcionários devido à natureza pública. A Caixa fará neste ano um concurso para mais de 4.000 vagas, sendo metade delas destinada às áreas de tecnologia.

"Nós vemos os bancos reduzindo pessoal, e a Caixa está fazendo um concurso. Isso passa pela natureza da Caixa, nós somos diferentes", afirmou ele em coletiva de imprensa para detalhar os resultados do banco em 2023, divulgados na terça, 27. Vieira disse que além de ser totalmente pública, a Caixa ainda precisa ter presença forte nas diversas regiões do País.

Ele deu como exemplo o pagamento de benefícios sociais do governo, que é feito pelo banco. Vieira afirmou que é "inadmissível" que um beneficiário da região Norte do País leve dias para conseguir sacar um benefício, por exemplo, e que por isso, a Caixa precisa manter a presença física.

O executivo reforçou ainda a atuação que o banco quer ter na frente da sustentabilidade, que virou vice-presidência em sua gestão. A Caixa vai coordenar a frente de instrumentos financeiros da Coalizão Verde, um convênio entre bancos que prevê dezenas de bilhões de reais em investimentos para a transição para uma economia de baixo carbono até 2030.