PMI composto da zona do euro sobe a 49,2 em fevereiro, diz S&P Global, e supera prévia

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) composto da zona do euro, que engloba os setores industrial e de serviços, avançou de 47,9 em janeiro para 49,2 em fevereiro, atingindo o maior nível em oito meses, segundo pesquisa final divulgada nesta terça-feira, 5, pela S&P Global em parceria com o Hamburg Commercial Bank.

O número definitivo de fevereiro superou a leitura preliminar e a previsão de analistas consultados pela FactSet, de 48,9 em ambos os casos. Apenas o PMI de serviços do bloco subiu de 48,4 para 50,2 no mesmo período, também vindo acima do cálculo inicial, de 50. Números abaixo de 50 indicam contração na atividade econômica e dados acima de 50 sugerem expansão.