Lucro líquido da CSN soma R$ 851 milhões no 4º trimestre, alta de 332% na comparação anual

A Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) registrou lucro líquido de R$ 851 milhões no quarto trimestre de 2023, uma alta de 332% ante o mesmo período de 2022. No intervalo trimestral, o resultado da empresa foi 835% maior, de acordo com o balanço divulgado na noite desta quarta-feira.

O Ebitda ajustado (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) atingiu R$ 3,626 bilhões, avanço de 16% na comparação anual e alta de 29% ante o terceiro trimestre de 2023. A margem Ebitda ajustada foi de 29,1%, o que representa alta de 2,1 pontos porcentuais em relação ao mesmo período do ano anterior e 4,9 pontos acima do período de julho a setembro do último ano.

A receita líquida da CSN ficou em R$ 12,005 bilhões, crescimento de 7,9% tanto no intervalo anual quanto na comparação trimestral.

Segundo a companhia, o resultado de receita líquida foi impulsionado pela melhor realização de preço no segmento de mineração em meio a ascensão do Platts, além do maior volume de aço comercializado no período.