Ministério dos Transporte abre consulta pública para concessão de 4 rodovias de Goiás

O Ministério dos Transportes iniciou nesta quinta-feira, 14, o período de consulta pública para a concessão de quatro rodovias do Estado de Goiás. A parceria dos governos federal e de Goiás preveem investimento de R$ 9,4 bilhões em quatro rodovias goianas em troca da instalação de sete praças de pedágio.

Na carteira de projetos do Ministério dos Transportes, o conjunto de rodovias foi nomeado Polo Goiânia. Com extensão de 572,81 quilômetros, as vias abrangem 39 cidades:

- GO-020 - do entroncamento da BR-153/352 em Goiânia até o entroncamento com a GO-139 em Cristianópolis;

- GO-060 - do entroncamento com a GO-050/070 na Av. Castelo Branco em Goiânia até o entroncamento com a GO-320 em Iporá;

- GO-070 - do entroncamento com a BR-060 na Av. Castelo Branco até o entroncamento com a GO-164;

- GO-080 - do entroncamento da BR-040 na Av. Perimetral Norte em Goiânia até Goianésia.

O período de audiência pública vai até 29 de abril. No projeto, estão previstas obras de ampliação de capacidade, incluindo 63,439 quilômetros de duplicação, 32,964 quilômetros de faixas adicionais, 8,969 quilômetros de vias marginais e 8,030 quilômetros de contornos.

Além do encaminhamento de sugestões, os interessados podem participar por meio das duas sessões públicas previstas para serem realizadas em abril: uma presencial, em Goiânia, no dia 17, e outra no modelo híbrido (virtual e presencial), em Brasília, no dia 18.

As sugestões apresentadas poderão ser incluídas às minutas de edital e do contrato, ao Programa de Exploração da Rodovia e aos Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental, do projeto de concessão Polo Goiânia.