BC da Rússia mantém juro em 16% pela 2ª vez seguida e promete manter aperto por 'longo período'

O Banco Central da Rússia decidiu manter sua taxa básica de juros pela segunda vez consecutiva, em 16%, após concluir reunião de política monetária nesta sexta-feira, 22.

Em comunicado, o BC russo avaliou que as pressões inflacionárias estão diminuindo gradualmente, mas permanecem elevadas, o que tornaria "prematuro julgar o ritmo de futuras tendências desinflacionárias".

O BC russo também reiterou que manterá o aperto da política monetária "por um longo período" para assegurar que a taxa anual de inflação do país volte para a meta oficial de 4% e fique próximo desse nível de forma estável. No médio prazo, os riscos de inflação ainda se inclinam para cima, ressaltou. A próxima reunião de juros do BC russo está marcada para 26 de abril.