Bens agrícolas estão com cotação menor, levando à queda de preço nas exportações, diz MDIC

O diretor de Estatísticas e Estudos de Comércio Exterior do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (MDIC), Herlon Brandão, destacou nesta quinta-feira, 4, que a cotação menor de bens agrícolas influenciou a redução das exportações registradas em março, sobretudo pela queda no preço da soja.

No mês passado, as exportações somaram US$ 7,1 bilhões na agropecuária, contra US$ 9 bilhões fechados em igual período do ano passado. O valor caiu 20,8%, impactado principalmente pelo recuo de 19,2% nos preços, contra queda de apenas 1,5% no volume exportado no mês neste segmento.

No caso da soja, as vendas caíram 26,7% em valor, com redução de 23,1% no preço. Brandão ainda lembrou que, em março de 2023, as exportações tiveram uma performance excepcional, o que elevou muito a base de comparação para o período neste ano.

Além das mercadorias agrícolas, pesou na queda das exportações a redução das vendas de petróleo, também pela base alta de comparação do ano passado. O volume caiu 28%, enquanto os preços reduziram em 10,4%.