Bolsas da Ásia e Pacífico fecham majoritariamente em alta, após rali em Wall Street

Por Sergio Caldas*

São Paulo, 08/04/2024 - As bolsas da Ásia e do Pacífico fecharam majoritariamente em alta nesta segunda-feira, após Wall Street encerrar a última semana com um rali na esteira de dados surpreendentemente fortes do mercado de trabalho dos EUA.

Liderando os ganhos na região asiática, o índice japonês Nikkei subiu 0,91% em Tóquio, a 39.347,04 pontos, com a ajuda de ações de eletrônicos e do setor automotivo, enquanto o sul-coreano Kospi teve leve avanço de 0,13% em Seul, a 2.717,65 pontos, o Hang Seng mostrou alta marginal de 0,05% em Hong Kong, a 16.732,85 pontos, e o Taiex registrou alta de 0,39% em Taiwan, a 20.417,70 pontos.

Exceção, os mercados da China continental ficaram no vermelho na volta de um feriado de dois dias, pressionados por ações ligadas a semicondutores e bebidas alcoólicas. O Xangai Composto recuou 0,72%, a 3.047,05 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto apresentou queda de 1,78%, a 1.736,49 pontos.

Na sexta-feira (05), as bolsas de Nova York tiveram ganhos significativos após o relatório de emprego dos EUA, conhecido como payroll, vir melhor do que o esperado, fortalecendo a confiança na economia americana. Ao longo da última semana, porém, Wall Street acumulou perdas em meio a temores de que o bom desempenho econômico dos EUA leve o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) a adiar planos de cortar juros para o segundo semestre do ano.

Nos próximos dias, investidores vão acompanhar dados de inflação a ser publicados tanto nos EUA quanto na China.

Na Oceania, a bolsa australiana seguiu o tom predominante da Ásia e terminou a sessão de hoje no azul. O S&P/ASX 200 avançou 0,20% em Sydney, a 7.789,10 pontos, sustentado em parte por ações de tecnologia.

Contato: sergio.caldas@estadao.com

*Com informações da Dow Jones Newswires