Se inflação seguir de lado, com crescimento forte, Fed não deve fazer nada, diz dirigente

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de Minneapolis, Neel Kashkari, afirmou nesta terça-feira, 7, que, caso a inflação continue a oscilar na mesma faixa atual, com o crescimento econômico e o mercado de trabalho fortes, o Fed não deveria fazer nada, sem mexer em sua política monetária. A declaração foi dada em entrevista à Bloomberg TV.

Kashkari comentou que, caso a inflação desacelere, pode defender corte nos juros. Caso contrário, se ela voltar a subir, pode ser necessário elevá-los, acrescentou. De qualquer modo, na avaliação dele no momento a "barra está elevada" para uma eventual alta.

Na entrevista, Kashkari ainda reafirmou o compromisso de fazer "todo o necessário" para atingir a meta de 2% de inflação.