Topo

BTG Pactual "evita" Petrobras e atribui recomendação neutra para ação

15/02/2016 14h59

SÃO PAULO – A equipe de análise do BTG Pactual divulgou relatório em que atribui a recomendação neutra para os ADR (American Depositary Receipts) da companhia. Os analistas se debruçaram sobre as plantas termais de energia da companhia para entender melhor seu funcionamento.

Os analistas explicam que a companhia é uma das maiores produtoras de energia elétrica no Brasil. Nos últimos quatro meses, suas 21 plantas termais geraram 4,2 GWh em uma base diária, com capacidade instalada de 6,7 GWh.

Praticamente metade da capacidade instalada da Petrobras opera abaixo de R$ 300/MWh, o que indica uma chance de mais eficiência no futuro, apontam os analistas. Com poucas exceções, as plantas são novas e com poucos pontos de depreciação, aponta o BTG.

Os analistas afirmam que adivinhas o valor dessas plantas com as informações disponíveis é como jogar no cara ou coroa, mesmo assim, eles estimam o número em R$ 16 bilhões. Para os analistas, é necessária alguma organização antes de vender as plantas, mas esse movimento é visto por eles como, “naturalmente”, a coisa certa a se fazer. Mesmo assim, a instituição financeira comenta que continua “evitando” a Petrobras.

Mais Economia