10 características de bilionários que você pode começar a desenvolver

  • Getty Images

SÃO PAULO – O que os bilionários têm em comum? Além de suas contas bancárias, muitos deles apresentam características e peculiaridades em suas personalidades que os ajudaram a alcançar o sucesso e fortunas impressionantes.

Descubra se você compartilha algumas das características que Oprah Winfrey, Warren Buffet, Bill Gates e outros bilionários têm, de acordo com o site "Business Insider".

1. Oprah Winfrey: gratidão

A eterna rainha da televisão não deixa sua fortuna de US$ 3,1 bilhões subir à cabeça. Apesar do sucesso, Oprah transparece gratidão por tudo que viveu e tem.

"Eu sei que agradecer por tudo que tenho e pelo meu caminho muda as vibrações pessoais", disse Winfrey em entrevista The Oprah Magazine. "Você irradia energia boa para si mesmo quando tem ciência do que tem e agradece por isso".

2. Warren Buffet: paciência

Buffet construiu sua fortuna de acordo com o seu tempo. Ele tem uma filosofia de "defina [o investimento] e esqueça [se tiver paciência vai chegar a hora de lucrar]" para investimentos. Buffet disse em uma entrevista que "os maiores erros ao tentar criar uma fortuna é tentar fazer isso rapidamente".

3. Bill Gates: humildade

O homem mais rico do mundo pratica a caridade e é humilde. Bill Gates e sua esposa Melinda têm dedicado seu tempo e dinheiro para melhorar as vidas das pessoas mais pobres do mundo. "Eu não deixo de comer ou viajar para fazer uma caridade", disse Gates em entrevista. "Eu não sacrifico minha vida, tenho como e posso ajudar, e há pessoas que estão doando mais ... eles são maiores filantropos do que eu", afirmou Gates.

4. Michael Bloomberg: ousadia

Quando tinha 39 anos de idade ele foi demitido de seu trabalho integral, do qual gostava muito. No entanto, não se deixou abater e assumiu um grande risco: iniciou sua própria empresa baseada em uma ideia que quase todos pensaram que não iria funcionar: "tornar a informação financeira disponível e acessível para as pessoas", disse Bloomberg no LinkedIn. "A vida é muito curta para passar o seu tempo evitando o fracasso ", disse ele.

5. Mark Zuckerberg: persistência

Em uma entrevista Zuckerberg foi perguntado: "qual o segredo do sucesso? ", e respondeu: "nunca desistir".

Graças a sua determinação e persistência, o fundador do Facebook construiu um império online que continua a reinar e empurrar os limites no espaço da mídia social. Hoje, a empresa gigante da mídia social tem um valor no mercado de ações de cerca de US$ 315 bilhões, enquanto Zuckerberg tem um patrimônio pessoal de mais de US$ 50 bilhões.

6. Sergey Brin: inovação

Os fundadores do Google Sergey Brin e Larry Page se conheceram quando eram estudantes na Universidade de Stanford em 1995. "Eu e Larry experimentamos uma variedade de coisas ", disse Brin em um vídeo para Stanford. "Tivemos alguns interesses comuns. Larry tinha essa ideia louca de baixar todos os links da web e em seguida, fazer algo com eles. Não era totalmente claro, o que fizemos foi descobrir que existiam aplicações e uma delas era de busca, que eventualmente se tornou o Google", disse. A inovação, a busca por ideias novas foi a motivação para ter sucesso - e valeu a pena.

7. Larry Page: intuição

Larry Page não sabia se havia qualquer aplicação prática para sua ideia quando pensou no futuro Google, bem como seu parceiro acima disse: era uma "ideia louca". Mas de alguma forma, Page sentia que devia acreditar e seguir em frente. A intuição não falha.

8. Jeff Bezos: coragem

O fundador da Amazon disse uma vez que o fato de ter coragem para tentar mesmo que erre o torna um inovador bem-sucedido, o que é essencial sendo o fundador de uma das lojas virtuais mais promissoras de todos os tempos.

"Para inovar, você tem que estar disposto a falhar", disse Bezos.

9. Carl Icahn: competitividade

O investidor bilionário sempre foi competitivo o que o ajudou a construir sua fortuna de US$ 17 bilhões. Para pagar os custos de hospedagem e alimentação durante a faculdade, Icahn começou a jogar pôquer. No começo acabou perdendo dinheiro, mas aos poucos foi recuperando. O espírito competitivo não o deixou parar, sempre tentou vencer.

"Eu li três livros sobre o pôquer em duas semanas, e depois acabei me tornando 10 vezes melhor do que qualquer um deles ", disse Icahn. "Para mim, foram grandes jogos com grandes participações. Eu ganhei cerca de US$ 2.000, o que representava muito dinheiro na época", afirmou.

10. Phil Knight: determinação

O co-fundador da Nike, Phil Knight começou com um produto segmentado e o levou para grande parte da população, reconhecendo uma oportunidade de mercado.

Com um investimento inicial de apenas US$ 1.000, Knight vendeu seus tênis para os corredores locais e, começou a elaborar formas de abrir sua própria empresa de tênis esportivos, e com pouco dinheiro e muita determinação criou a Nike anos depois que significa "Vitória" em grego e, que hoje é um império de negócios no mundo esportivo.

Pesquisa "mapeia" como pessoas mais ricas do mundo gastam dinheiro

  •  

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos