PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

StockBeat: Para o FTC, o Match Group não é um bom partido

26/09/2019 12h13

Não é possível comprar amor, Match?

As ações do Match Group (NASDAQ: MTCH) caíam 2,6% depois que a Federal Trade Commission processou o proprietário do Match.com, Tinder, OKCupid, PlentyOfFish e outros sites, alegando que usavam anúncios falsos de histórias de amor para convencer os usuários a comprar assinaturas.

O Match permite que os usuários criem perfis no Match.com gratuitamente. Mas um usuário não pode responder às mensagens sem atualizar para uma assinatura paga. O Match enviava e-mails aos usuários dizendo que alguém havia manifestado interesse em conhecê-los. "Você chamou a atenção dele" é um slogan típico.

Isso levaria a ofertas para conectar usuários aos remetentes por um preço, informou a FTC. Mas muitos dos contatos fornecidos pela Match ou por seus sites vieram de usuários que a empresa já sabia serem falsos ou fraudulentos, alega a FTC. Isso deixou os assinantes expostos.

Em uma declaração, a Match, com sede em Dallas, classificou a ação como "completamente sem mérito", acrescentando que "a fraude não é bom para os negócios". A empresa disse que bloqueia 85% das contas impróprias em quatro horas e 96% em um dia.

O Match opera em mais de 42 idiomas em 192 países.

As ações já estavam sob pressão. Elas atingiram US$ 95,32 em agosto e caíam 25% desde então. Mas eles ainda aumentaram 67% no ano.

A empresa tornou-se pública em novembro de 2015 com o valor de US$ 12 por ação e foi lucrativa. Os analistas consultados pelo Investing.com esperam que o trimestre de setembro mostre 43 centavos de dólar por ação nos lucros e receitas de US$ 541 milhões, acima dos 39 centavos de dólar por ação e receita de US$ 444 milhões no ano anterior.

A empresa possui mais de US$ 1,6 bilhão em dívida total contra cerca de US$ 210 milhões em patrimônio.

No trimestre de junho, o Match ganhou 43 centavos, um centavo a mais que a estimativa, com receita de US$ 498 milhões. Mas o crescimento dos ganhos não é tão rápido quanto o crescimento da receita.