PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

Oi vai emitir debêntures em um total de R$ 2,5 bilhões

23/12/2019 09h20

Em meio a um longo, bilionário e conturbado processo de recuperação judicial, a Oi (SA:OIBR3) divulgou fato relevante na manhã desta segunda-feira informando que sua controlada, Oi Móvel, celebrou escritura de emissão de debêntures simples, não conversíveis em ações, da espécie com garantia real, com garantia adicional fidejussória, em série única, para colocação privada, de sua emissão, no valor total de até R$ 2,5 bilhões.

O documento destaca que o prazo de vencimento é de 24 meses contados da data de emissão, ressalvadas as hipóteses de resgate antecipado e de vencimento antecipado.

Os debenturistas terão remuneração da variação do dólar norte-americano acrescida de juros de 12,66% ao ano durante os primeiros doze meses contados da primeira integralização; e de 13,61% ao ano, a partir de então.

As debêntures contarão com garantias reais e fidejussórias prestadas pela Oi (SA:OIBR3) Móvel, pela Companhia e por sua controlada Telemar Norte Leste.

Problemas de caixa

Em meio ao processo de recuperação, enquanto busca soluções que passam pela venda da companhia, ou de algumas de suas operações, a Oi (SA:OIBR3) passa por uma série de problemas de caixa, principalmente pela obrigatoriedade da realização de novos investimentos.

A operadora de telefonia encerrou o terceiro trimestre com dívida líquida de R$ 14,7 bilhões e caixa disponível de R$ 3,18 bilhões, ante R$ 15,57 bilhões e R$ 4,3 bilhões no final de junho. O capex ficou praticamente estável na base trimestral (+0,2%), somando R$ 2,065 bilhões no terceiro trimestre.