PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

McDonald's mostra em vídeo como faz seus nuggets para desmentir gosma rosa

Vídeo do McDonald"s canadense (à dir.) tenta desmetir filme de origem desconhecida, que se espalhou pela internet, o qual dizia que os nuggets da marca eram feitos a partir de uma "gosma rosa" - Reprodução
Vídeo do McDonald's canadense (à dir.) tenta desmetir filme de origem desconhecida, que se espalhou pela internet, o qual dizia que os nuggets da marca eram feitos a partir de uma "gosma rosa" Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

05/02/2014 16h45

O McDonald’s do Canadá divulgou um vídeo mostrando como são feitos, em escala industrial, os nuggets de frango vendidos em suas lanchonetes. O vídeo mostra que o lanche é feito a partir do peito e da pele do frango, e não de outras partes da ave ou a partir de produtos artificiais.

O filme é uma tentativa do McDonald’s de desmentir outro vídeo que circula na internet, o qual afirma que os nuggets da marca são feitos a partir de sobras de frangos, com adição de hidróxido de amônia. As imagens mostravam uma massa rosada, que ficou conhecida como "gosma rosa".

"Nós separamos todas as partes do frango e selecionamos o peito para fazer os Mcnuggets. (...) Juntamos o material com alguns temperos e uma proporção natural de pele de frango", afirma Jennifer Rabideau, desenvolvedora de produtos da Cargill, fábrica onde são feitos os nuggets, na cidade de London, no Canadá.

No vídeo, Nicoletta Stefou, gerente de abastecimento do McDonald's do Canadá, compara a imagem da carne de frango processada com a do vídeo da "gosma rosa" e diz que ali são vistos os verdadeiros nuggets da rede de lanchonetes.

Rede mostrou por que lanche da propaganda é diferente do vendido na loja

Em iniciativa semelhante, o McDonald's do Canadá publicou um vídeo, em 2012, explicando por que os sanduíches anunciados nas propagandas parecem diferentes, maiores e mais saborosos do que os vendidos nas lojas da rede.

A iniciativa do McDonald’s Canadá partiu do projeto "Our Food. Your Questions" ("Nossa comida. Suas perguntas"), no qual consumidores perguntavam, pelo site da filial canadense, detalhes do desenvolvimento dos pratos oferecidos pela rede.