IPCA
-0.04 Set.2019
Topo

Procon notifica site de sapatos Dafiti por falhas em entrega e atendimento

Do UOL, em São Paulo

15/07/2014 17h46

A Fundação Procon de São Paulo notificou a loja virtual de sapatos, bolsas e roupas Dafiti nesta terça-feira (15), depois de receber reclamações de consumidores que não conseguiram entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Cliente (SAC) da empresa.

Houve queixas, também, sobre atraso na entrega de produtos.

Uma notificação significa que o Procon está determinando que a empresa dê explicações e tome algumas providências para evitar transtornos. Caso os problemas sejam comprovados, a empresa pode ser multada (leia mais abaixo).

Um aviso postado na página da Dafiti no Facebook nesta terça pede "calma" aos clientes, e diz que os canais de atendimento da empresa estão voltando a funcionar gradualmente.

A empresa diz que, nos últimos 15 dias, vem promovendo a migração de seu sistema operacional.  "A empresa informa que está cumprindo os prazos comunicados aos clientes no ato da compra. Entretanto, o consumidor pode ter percebido lentidão na comunicação do status de seu pedido, questão que estará solucionada nos próximos dias", informa, por meio de comunicado.

Empresa pode ser multada em até R$ 7 milhões

O Procon pede que, enquanto os problemas persistirem, a Dafiti deixe de veicular ofertas publicitárias de seus produtos no site, nas redes sociais ou em qualquer outro meio de comunicação.

O órgão também determina que a Dafiti adicione um aviso sobre os problemas no SAC na sua página inicial, e dê essa informação também na hora da conclusão da compra. O aviso que a empresa colocou sobre os problemas estava só no Facebook, mas não no site oficial. 

A empresa também deve informar que medida será adotada com relação aos pedidos enviados durante a atualização do site e se eles estão sendo entregues ou não.

Se for comprovada alguma irregularidade, a empresa poderá ser multada. O valor da multa pode variar entre R$ 503,53 a R$ 7.553.080,72.

Mais Economia