Bolsas

Câmbio

SP, Rio e Brasília melhoram em ranking de cidades mais caras para se viver

Do UOL, em São Paulo

São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília melhoraram suas posições em um levantamento que compara o custo para se viver em 209 cidades do mundo todo. As três são as únicas brasileiras na lista.

O ranking é elaborado pela consultoria Mercer e busca estimar o custo de vida para um profissional que sai de seu país para trabalhar em outro (expatriado). O estudo foi divulgado nesta quarta-feira (22).

São Paulo passou da 40ª posição, em 2015, para a 128ª; o Rio foi da 67ª para a 156ª; e Brasília saiu do 150º lugar para o 190º. Quanto mais baixa a posição no ranking, menor é o custo de vida.

O que explica essa "melhora" em meio à crise econômica brasileira? A alta do dólar.

A consultoria pesquisa os preços de mais de 200 produtos e serviços em cada cidade, incluindo moradia, transporte, comida, roupas, produtos de casa e entretenimento. Depois, todos os valores são transformados da moeda local para dólar. O estudo usa Nova York como parâmetro de comparação.

Por isso, apesar de os preços terem subido no Brasil em reais, eles estão mais baixos em dólares.

Veja algumas curiosidades do estudo:

  • Na América do Sul, a cidade mais cara para se viver é Buenos Aires, na 41ª posição.
  • Cidades da Ásia e da África aparecem entre as mais caras, com Hong Kong no topo da lista.
  • Na Europa, a mais cara é Zurique, na Suíça (3ª posição geral).
  • Nova York ocupa a 11ª posição e é a cidade mais cara dos EUA.
  • Por outro lado, Windhoek (Namíbia), Cidade do Cabo (África do Sul) e Bishkek (Quirguistão) são as cidades com o custo de vida mais baixo.

Confira as 10 cidades mais caras do mundo:

  1. Hong Kong (China)
  2. Luanda (Angola)
  3. Zurique (Suíça)
  4. Cingapura (Cingapura)
  5. Tóquio (Japão)
  6. Kinshasa (Congo)
  7. Xangai (China)
  8. Genebra (Suíça)
  9. Ndjamena (Chade)
  10. Pequim (China)

(Com Infomoney)

Receba notícias do UOL Economia pelo WhatsApp

Quer receber notícias no seu celular sem pagar nada? Primeiro, adicione este número à agenda do seu telefone: +55 (11) 97258-8073 (não esqueça do "+55"). Depois, envie uma mensagem para este número por WhatsApp, escrevendo só: grana10

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos