PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

Receita notifica empresas suspeitas de sonegar R$ 530 milhões à Previdência

Sergio Lima/Folhapress
Imagem: Sergio Lima/Folhapress

Do UOL, em São Paulo

25/04/2017 12h30

A Receita Federal começou nesta terça-feira (25) a cobrar 7.271 empresas suspeitas de não terem pago o que deviam à Previdência Social. O total de impostos sonegados pode chegar a R$ 532,3 milhões, de acordo com o órgão.

O Fisco diz que um cruzamento de informações apontou inconsistência nos dados declarados por essas empresas entre junho de 2012 e dezembro de 2016.

A cobrança faz parte da segunda etapa do Projeto Malha Fiscal da Pessoa Jurídica em 2017. O objetivo é combater a sonegação de pagamentos à Contribuição Previdenciária.

Multas podem chegar a 225% do valor devido

As empresas serão notificadas por meio de carta enviada para o endereço que conta no sistema de Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ). As orientações para regularizar a situação também estão nessa carta, de acordo com a Receita.

Após o recebimento da notificação, a empresa terá de fazer uma retificação e pagar a diferença, com os devidos acréscimos legais, segundo a Receita. A regularização deverá ser feita até o início do procedimento fiscal, previsto para junho de 2017.

Ao quitar a dívida, a empresa evita autuações com multas que chegam a 225% do valor devido, além de representação ao Ministério Público Federal por crimes de sonegação fiscal, entre outros, de acordo com o Fisco.