PUBLICIDADE
IPCA
-0,31 Abr.2020
Topo

Procon-SP vai analisar se há abusos em preços de álcool gel e máscara

Reprodução/wonderopolis
Imagem: Reprodução/wonderopolis

Do UOL, em São Paulo

28/02/2020 13h11

O Procon-SP, por meio da Escola de Proteção e Defesa do Consumidor, entidade vinculada à Secretaria da Justiça e Cidadania, anunciou que vai fazer um levantamento dos preços de álcool gel e máscara de proteção na cidade de São Paulo.

O objetivo é analisar se, em função do surto do coronavírus e da preocupação crescente da sociedade com a doença, os estabelecimentos estão cobrando valores abusivos por estes tipos de utensílios.

De acordo com o Procon, 15 farmácias espalhadas pelas cinco regiões da cidade serão verificadas nos próximos dias. Não há informação sobre quais serão estabelecimentos monitorados.

O estudo vai se basear nos preços de variadas marcas de máscaras e álcool gel vigentes em fevereiro deste ano. A comparação com os valores atuais será feita com o que foi praticado no mesmo período de 2019.

Além disto, o Procon também afirmou que vai apurar se a quantidade para venda está sendo fracionada para permitir que todos os interessados tenham acesso aos produtos.

Em casos de aumentos não justificados, as empresas poderão ser multadas. O resultado do levantamento deve sair, de acordo com o órgão, na primeira quinzena de março.

Economia