PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

UOL e FIA lançam o Prêmio Lugares Incríveis para Trabalhar

A pesquisa FEEx buscará entender o impacto do home office na satisfação dos colaboradores - pixelfit/Getty Images
A pesquisa FEEx buscará entender o impacto do home office na satisfação dos colaboradores Imagem: pixelfit/Getty Images

Marcel Nadale

Do UOL, em São Paulo

01/07/2020 04h00Atualizada em 01/07/2020 17h53

Resumo da notícia

  • UOL e FIA realizam premiação para empresas com melhores práticas de RH
  • Companhias podem se inscrever gratuitamente e têm até 31/8 para responder questionário
  • Vencedores, incluindo melhor liderança e melhor CEO, serão anunciados em novembro

O UOL e a Fundação Instituto de Administração (FIA) anunciaram nesta terça-feira, 30, uma parceria para a realização da primeira edição do Prêmio Lugares Incríveis para Trabalhar. A iniciativa vai destacar as empresas brasileiras com os mais altos níveis de satisfação entre os seus colaboradores, que vão medir o ambiente de trabalho, a cultura organizacional, a atuação da liderança e a satisfação com os serviços de RH.

O prêmio será baseado na pesquisa Employee Experience, elaborada pelo professor doutor André Fischer, coordenador do Programa de Estudos em Gestão de Pessoas (Progep/FIA) e um dos pioneiros deste tipo de análise no mercado brasileiro, e pelo professor doutor Joel Dutra, coordenador do Progep/FIA e uma das maiores referências em gestão de pessoas no país.

A metodologia da pesquisa liderada por Fischer vem sendo desenvolvida desde 1982 e foi aperfeiçoada nos 14 anos de parceria com o Prêmio Melhores Empresas para Trabalhar, publicado entre 2006 e 2019 pela revista Você S/A. A nova pesquisa, que neste ano terá apuração 100% digital, parte de novos parâmetros, informados tanto pela situação atual, com a pandemia de covid-19, quanto pelas novas conclusões da psicologia organizacional nos últimos anos. As empresas premiadas serão aquelas que alcançarem os melhores índices: de clima organizacional, de gestão de pessoas, de liderança e a grande novidade deste ano: o índice do CEO, que avaliará popularidade, confiança e a gestão dos chefes das organizações.

"Nos últimos 15 anos, mais de 4 mil aplicações dessa metodologia foram feitas em diferentes organizações", afirma Fischer. "Isso nos permite afirmar que construímos a metodologia academicamente mais legítima utilizada em clima organizacional no continente americano".

O UOL fará a cobertura editorial de todas as etapas do processo, desde as inscrições, que se iniciaram no dia 30 de junho, até a entrega do prêmio, prevista para novembro. A pesquisa também servirá como base para reportagens e conteúdos exclusivos em UOL Economia sobre os desafios no cenário atual de RH e desenvolvimento organizacional.

"É com enorme satisfação que o UOL Economia anuncia essa parceria de conteúdo com a FIA. Ao destacar as empresas capazes de garantir o melhor ambiente para trabalhar, aliando as expectativas de produtividade às de seus colaboradores, criamos um ciclo positivo de inspiração e aprendizado para todas as companhias do país. Como um dos maiores e mais relevantes players da internet brasileira, esperamos alavancar o alcance da pesquisa -- desde a fase de inscrições ao anúncio dos grandes vencedores", diz Murilo Garavello, diretor de conteúdo do UOL.


Rigor e anonimato

As empresas podem se inscrever para concorrer ao prêmio gratuitamente até o dia 14/8 e terão até 31/8 para preencher a pesquisa. Nesta etapa inicial, ela consiste em um questionário sobre mais de 300 práticas de gestão, respondido pelo RH, e por um conjunto de 100 frases assertivas sobre clima e cultura corporativa, que os funcionários devem indicar, em anonimato, se concordam ou discordam.

"A metodologia FIA vem de uma experiência de mais de 40 anos na área e já foi utilizada por mais de 1.500 empresas", explica o coordenador Matthias Wegener. "A pesquisa garante anonimato absoluto para os funcionários e uma análise criteriosa para as empresas".

Na segunda etapa, prevista para o início de setembro, haverá os resultados preliminares, com a lista das pré-classificadas. Entre setembro e outubro, as empresas com maior pontuação na coleta de dados receberão uma auditoria independente, que checará a veracidade das práticas descritas pelo RH no questionário inicial. Caso necessário, as pontuações serão ajustadas.

Por fim, os vencedores serão anunciados em novembro. Serão reconhecidas as empresas com melhor gestão de pessoas, melhor clima organizacional, melhor liderança e melhor CEO. Elas estarão divididas de acordo com seu porte: pequenas, com até 300 funcionários; médias, entre 301 e 1.500 funcionários; e grandes, acima de 1.500.

"Além da nota final nas quatro categorias, a empresa participante recebe gratuitamente o acesso básico à plataforma da pesquisa", explica Wegener. "Essa ferramenta inclui os índices de todas as frases assertivas, comparações com grupos de referência, gráficos e marcadores, entre outros recursos para facilitar a compreensão do clima organizacional".

Um retrato do RH no Brasil

O Prêmio Lugares Incríveis para Trabalhar irá traçar um importante panorama sobre os atuais desafios na gestão de pessoas no mercado brasileiro, como, por exemplo, a popularização do home office motivada pela pandemia da covid-19.

"A longo dos anos 2000, a gestão de pessoas experimentou grandes avanços no Brasil e recebeu maior atenção por parte das organizações de forma geral. Atualmente, é consenso entre os empresários de que há uma relação direta entre o nível de satisfação das pessoas e a produtividade, rentabilidade e lucratividade da organização,", afirma o professor doutor Joel Souza Dutra.

"Em meio a um cenário de tantas incertezas, as empresas despontam como instituições fortes, capazes de abrir novos caminhos e vencer os desafios impostos pelo novo normal. Ao acompanhar de perto os esforços para manter elevado o clima interno das companhias e amplificar essas experiências para toda a sua audiência, o UOL pretende contribuir também para fomentar, no Brasil, um ambiente de negócios inovador, produtivo e, principalmente, humano", completa Paulo Samia, CEO do UOL Conteúdo e Serviços.

A previsão é que cerca de 500 companhias se inscrevam para participar da pesquisa. Confira mais detalhes sobre o processo, o cronograma e os benefícios da pesquisa no site da Employee Experience.

Mídia e Marketing