PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Mídia e Marketing

Relatório aponta 5 tendências para o futuro da publicidade digital

Reprodução
Imagem: Reprodução

Renato Pezzotti

Colaboração para o UOL, em São Paulo

14/06/2021 11h01

O futuro da publicidade passa por empresas conhecidas como DTC ("direct to consumer", que falam diretamente com o consumidor), pelo crescimento da relevância do propósito das marcas e pela ampliação do convite para que os consumidores possam fazer parte da criação de estratégias e produtos.

As conclusões são de um estudo sobre as principais tendências que irão ditar a publicidade digital até 2025, produzidos pela consultoria WGSN e a RTB House, startup que une marketing e tecnologia.

"O consumidor é cada vez mais digital e exigente, com um olhar crítico para questões como valores de marca, privacidade e segurança. No campo técnico, seja sob o aspecto de tecnologia ou de experiência, publicidade em áudio precisa estar no radar, com uma certa urgência. A comunicação que conversa de forma intuitiva com o contexto do usuário é outra demanda crescente", declara André Dylewski, diretor de Desenvolvimento de Negócios da RTB House para a América Latina.

O documento indica cinco importantes tendências da publicidade online que serão destaque até 2025:

Voice ads

"O futuro das redes sociais é a fala", segundo o estudo.

Plataformas como Clubhouse e Cappuccino, espaços que privilegiam o diálogo e a conversa entre comunidades, se somam ao 'Spaces', CatchUp e Audlist. Durante e após a pandemia, o foco dos conteúdos de marca em plataformas de áudio deve promover um sentimento de calma positivo. O estudo The Future of Audio comparou resultados de propagandas com esse tom e revelou que eles são 15% mais eficientes em converter compras do que os com tom "alta energia".

Revival dos vídeos

Vídeos criados pelos consumidores, como os do TikTok, são os mais bem sucedidos dentre todos os tipos de publicidade de vídeos online. Conteúdo criativo que sirva ao propósito, ou propagandas curtas e simples, também podem funcionar muito bem neste cenário.

Experiência ininterrupta

Um dos modos como as marcas têm lidado com a resistência do público aos anúncios é integrando as propagandas às plataformas de maneira nativa. Marcas precisam oferecer entretenimento. Unir experiências de transmissão com compras dentro de aplicativos é uma saída.

Propagandas com contexto

Um estudo do Warc, serviço global de inteligência de marketing, mostra que anúncios em portais de notícias têm 80% mais chances de serem vistos do que em sites que não são de notícias. Assim, é urgente customizar cada vez mais os anúncios, e até configurar automaticamente propagandas criativas para complementar o contexto.

Extrapolar plataformas

Com o nascimento de novas plataformas, inauguram-se novas possibilidades de anúncios, como ações recentes feitas com a Siri, assistente de voz da Apple, e espaços nas TVs conectadas ou em consoles de videogame. A criatividade tem que se unir à tecnologia a todo instante.

Mídia e Marketing