PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

Governo suspende venda de 24 marcas de azeite impróprias para consumo; veja

Consumidores não devem comprar os azeites das marcas divulgadas, segundo o Ministério da Agricultura - Getty Images
Consumidores não devem comprar os azeites das marcas divulgadas, segundo o Ministério da Agricultura Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

17/12/2021 14h46Atualizada em 17/12/2021 16h37

Uma operação de fiscalização do Ministério da Agricultura para combater fraudes em azeites de oliva levou à suspensão da venda de 151.449 garrafas de 24 marcas consideradas impróprias para o consumo, nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Goiás, Paraná e Santa Catarina. (Veja lista dos produtos abaixo)

Segundo o Ministério da Agricultura, as irregularidades incluem produtos sem registro e contrabandeados. Durante a operação, também foram encontradas três fábricas clandestinas que estavam envasando azeites de oliva que, na verdade, não passavam de uma "mistura de óleos vegetais de procedência desconhecida".

O objetivo da ação, ainda de acordo com o governo, foi evitar que o consumidor seja enganado — ainda mais com a proximidade das festas de fim de ano, período em que a demanda por azeite aumenta.

"Os consumidores não devem comprar os azeites dessas marcas divulgadas. Fica o alerta também para os supermercados, pois o local que estiver com um desses produtos expostos à venda se responsabilizará pela irregularidade e responderá perante o Ministério, com multas que podem chegar a R$ 532 mil", alertou o diretor do Departamento de Inspeção de Produtos Origem Vegetal, Glauco Bertoldo.

Confira as 24 marcas de azeite com venda suspensa pelo governo:

  • Alcazar
  • Alentejano
  • Anna
  • Barcelona
  • Barcelona Vitrais
  • Castelo dos Mouros
  • Coroa Real
  • Da Oliva
  • Del Toro
  • Do Chefe
  • Épico
  • Fazenda Herdade
  • Figueira do Foz
  • llha da Madeira
  • Monsanto
  • Monte Ruivo
  • Porto Galo
  • Porto Real
  • Quinta da Beira
  • Quinta da Regaleira
  • Torre Galiza
  • Tradição
  • Tradição Brasileira
  • Valle Viejo

Como comprar um bom azeite?

O azeite de oliva virgem pode ser classificado em três tipos: extra virgem (acidez menor que 0,8%), virgem (acidez entre 0,8% e 2%) e lampante (acidez maior que 2%).

Os dois primeiros podem ser consumidos in natura, mantendo todos os aspectos benéficos ao organismo. Já o terceiro, tipo lampante, deve ser refinado antes de ser consumido, quando passa a ser classificado como azeite de oliva refinado.

Para comprar um bom azeite, o Ministério da Agricultura recomenda:

  • desconfiar do preço -- produtos com valor muito abaixo do praticado pelo mercado devem acender um alerta;
  • checar a lista de produtos já apreendidos pelo Ministério em outras operações;
  • ficar atento (a) às características da embalagem -- o vidro deve sempre ser escuro;
  • dar preferência a azeites com data de envase mais recente.

PUBLICIDADE