PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Mídia e Marketing

Após McPicanha, Burger King confirma que Whopper Costela não tem costela

Whopper Costela, do Burger King  - Reprodução
Whopper Costela, do Burger King Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/05/2022 12h57

Depois da polêmica envolvendo o McPicanha sem picanha, do McDonald's, na semana passada, mais uma rede de fast food foi acusada de enganar os consumidores em suas propagandas.

Desta vez, usuários das redes sociais têm afirmado que, apesar do nome, o sanduíche Whopper Costela, do Burger King, não tem costela em seus ingredientes. O próprio Burger King confirmou que o hambúrguer do sanduíche é feito com paleta suína e tem "aroma natural de costela".

Veja um dos vídeos publicado pelo advogado Fernando Chagas, que faz postagens sobre direitos do consumidor no TikTok:

@seusdireitos

WHOPPER COSTELA DO BURGUER KING TEM COSTELA SUINA NO HAMBÚRGUER?

? som original - FERNANDO CHAGAS | ADVOGADO

Burger King diz que 'sempre comunicou com clareza'

O Burger King informou que, desde o lançamento do produto, "sempre comunicou com clareza em todos os seus materiais de comunicação a composição do hambúrguer presente no sanduíche, produzido à base de carne de porco (paleta suína) e com aroma 100% natural de costela suína", sem aditivos ou conservantes.

A empresa ainda afirma que "a transparência para com os nossos clientes é um valor fundamental e inegociável" e que "todas as informações sobre a composição do produto podem ser facilmente identificadas nas peças publicitárias, cardápios e demais materiais oficiais do Burger King".

Procurado, o Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) ainda não se pronunciou sobre o caso.

Assista ao comercial do produto, lançado em dezembro de 2021, que diz que o hambúrguer é "sabor costela":

A propaganda faz diversas referências ao futebol. Na época, a Sociedade Esportiva Palmeiras notificou extraoficialmente o Burger King, dizendo que o comercial fez uma menção indireta ao time, o que caracterizaria "marketing de emboscada", e pediu que as peças fossem retiradas do ar. O porco é considerado o mascote da equipe.

Para o BK, porém, a rede não fez nenhuma "menção direta ao clube" e "o objetivo era apresentar o novo produto de forma divertida".

Mídia e Marketing