PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Apple volta ao topo das marcas mundiais mais valiosas do mundo

Tim Cook, atual CEO da Apple - Divulgação/Apple
Tim Cook, atual CEO da Apple Imagem: Divulgação/Apple

Colaboração para o UOL

15/06/2022 14h37

A Apple voltou a se tornar a marca mais valiosa do mundo, de acordo com levantamento da Kantar BrandZ. Além disso, a marca está bem perto de se tornar a primeira de trilhões de dólares. Atualmente, a Apple possui um valor de marca avaliado em US$ 947,1 bilhões.

Segundo a Kantar BrandZ, a Apple se destaca por diversos motivos, entre eles: hardware, software e portfólio de serviços.

A marca vem seguida pelo Google, que está na segunda colocação e possui um dos crescimentos mais rápidos do mercado, com um aumento de 79% e chegando a valer US$ 819,6 bilhões. O Mercado Livre é a única marca latino-americada no Top 100, estando na 71ª posição e chegando a valer US$ 29,916 milhões.

O Top 5 é formado por quatro marcas dos Estados Unidos, as primeiras no ranking, e apenas uma de outro país, a China. Confira o Top 10:

  • 1: Apple

  • 2: Google

  • 3: Amazon

  • 4: Microsoft

  • 5: Tencent

  • 6: McDonald's

  • 7: Visa

  • 8: Facebook

  • 9: Alibaba

  • 10: Louis Vouitton

Marcas como Microsoft, Zara e IBM estão entre as principais tendências globais do estudo. Além disso, a pesquisa mostra que a sustentabilidade responde por 3% do valor da marca.

De maneira geral, as marcas de tecnologia e luxo foram as que mais cresceram, alcançando 46% em tecnologia ao consumidor e 45% em artigos de luxo. A Tesla, por exemplo, possui um dos maiores crescimentos, saltando da 47ª posição para a 29ª. Já a loja de luxo Louis Vuitton é a primeira do ramo a alcançar as 10 maiores marcas globais.

A pandemia da Covid-19

A pandemia acelerou o crescimento do varejo no e-commerce. Ou seja, as marcas que investiram na conexão com os consumidores durante o período, conseguiram crescer no ambiente online.

Além disso, aquelas que conseguiram inovar no mercado e diversificar, como Apple, Google e Amazon, foram destaque no crescimento contínuo. A construção da confiança com o consumidor também faz muita diferença para a estabilidade e segurança da marca, de acordo com a Kantar.