PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

Caixa anuncia presidente interina até a posse de Daniella Marques

Daniella Marques Consentino, assessora de Paulo Guedes, ainda não pode assumir a presidência da Caixa - Divulgação/Ministério da Economia
Daniella Marques Consentino, assessora de Paulo Guedes, ainda não pode assumir a presidência da Caixa Imagem: Divulgação/Ministério da Economia

Colaboração para o UOL, em Brasília

30/06/2022 19h14

A Caixa Econômica Federal anunciou hoje o nome de Henriete Bernabé como presidente interina até posse de Daniella Marques, indicada ontem pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) para substituir o economista Pedro Guimarães, que pediu demissão depois de o site Metrópoles ter divulgado relatos de funcionárias que afirmam terem sido vítimas de assédio sexual por parte dele. O MPF (Ministério Público Federal) investiga o caso.

"O Conselho de Administração da Caixa registra que condutas ilícitas não são toleradas, em especial as de assédio sexual ou de qualquer natureza, e, se comprovadamente praticadas por agentes da instituição, receberão o devido tratamento previsto na legislação e nas normas internas da empresa", afirmou o banco estatal em nota.

Bernabé é vice-presidente de Habitação do banco estatal e vai ficar no cargo até que sejam concluídos os procedimentos internos de elegibilidade da nova escolhida pelo governo. O banco estatal informou ainda que, em reunião extraordinária realizada hoje, determinou o prosseguimento da apuração dos relatos pela corregedoria da instituição da instituição financeira e autorizou a contratação de empresa independente para promover investigações complementares sobre o caso.

Leia a íntegra do que diz a Caixa

"O Conselho de Administração da caixa informa que tomou conhecimento da possível existência de procedimento apuratório no âmbito do Ministério Público Federal contra o ex-presidente da instituição no dia 28 de junho.

No mesmo dia, o Presidente do Conselho de Administração solicitou formalmente ao Comitê de Auditoria que, preliminarmente, buscasse informações sobre a existência de apuração quanto aos mesmos fatos no âmbito interno da Caixa, para que o Conselho pudesse tomar ciência do tema e deliberar as próximas medidas que deveriam ser adotadas, providência que foi comunicada aos demais membros do Conselho na manhã do dia 29."