IPCA
0,42 Mar.2024
Topo

Creme de avelã não tem avelã e é denunciado por propaganda enganosa

Creme de avelã "Avelãcrem", da Fugini, não tem avelã - Azerbaijan_stockers/Freepik
Creme de avelã 'Avelãcrem', da Fugini, não tem avelã Imagem: Azerbaijan_stockers/Freepik

Do UOL, em São Paulo

06/12/2022 11h22

O Idec (Instituto Brasileiro de Defesa ao Consumidor) encaminhou uma denúncia à Senacon (Secretaria Nacional do Consumidor) contra a marca Fugini, que produz o Avelãcrem. O produto, identificado na embalagem como creme de avelã com cacau, não tem avelã.

Da noz, o creme só tem o cheiro: a fórmula conta com um aromatizante sintético que imita o fruto. Segundo o Idec, essa diferença entre a informação no rótulo e a lista de ingredientes viola os direitos do consumidor e o induz ao erro.

Além disso, o instituto destaca que a embalagem apela para o público infantil, por contar com imagens de crianças e um dinossauro. Entretanto, o Avelãcrem contém uma série de aditivos que podem ser prejudiciais à saúde, além de ter muito açúcar e gordura vegetal de palma.

O caso se assemelha a outros que aconteceram ainda neste ano, como o sanduíche do McDonald's McPicanha que não continha picanha e a bebida Del Valle Fresh, que não podia ser considerada como suco.

Para o Idec, esses incidentes repetidos demonstram que "que a prática de usar ingredientes 'fantasma' é comum no mercado."

O UOL tenta contato com a Fugini. Caso haja resposta, o texto será atualizado.