Conteúdo publicado há 11 meses

Não há possibilidade de adiar, diz Lira sobre votação da reforma tributária

O presidente da Câmara dos Deputados Arthur Lira (PP-AL) afirmou a jornalistas que não há possibilidade de adiar a votação da Reforma Tributária, prevista para hoje.

O que Lira falou?

O presidente da Câmara descartou a possibilidade de adiamento da votação para agosto, mas disse que, caso haja necessidade após possível aprovação e encaminhamento ao Senado, o texto poderá voltar à Casa para ajustes.

Ele disse que acredita na aprovação do texto, apesar de informar que "não vota sozinho".

Segundo Lira, caso não haja quórum para a votação prevista para esta quinta-feira, essa será "mais uma tentativa que o Brasil perde".

Ele disse que mandou mensagem para o ex-presidente Jair Bolsonaro para falar sobre o assunto, mas não foi respondido.

Na manhã de hoje, Bolsonaro foi gravado interrompendo o governador Tarcísio de Freitas e pedindo a "união" do partido para "não aprovar nada".

Não há possibilidade de adiar a votação. Entendemos que esse tema está seguro, já está bastante discutido. Não há plausibilidade no período de adiamento. Quem está aventando essa possibilidade, eu não creio que irá votar a favor do tema. Nem agora, nem em agosto".
Arthur Lira, presidente da Câmara dos Deputados

Deixe seu comentário

Só para assinantes