Bolsas

Câmbio

Ações chinesas devolvem ganhos em meio a preocupações com depreciação do yuan

XANGAI/TÓQUIO (Reuters) - As ações chinesas devolveram seus ganhos e fecharam a sessão desta quarta-feira (25) em queda, com os temores de depreciação do yuan ressurgindo na esteira do fortalecimento do dólar e um possível aumento dos juros nos Estados Unidos no próximo mês.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 0,14%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 0,23%. O volume de operações em Xangai encolheu a seu menor nível em quase quatro meses, refletindo o baixo apetite por risco.

O yuan recuou para próximo da mínima do começo de fevereiro, após o banco central definir a taxa referencial mais fraca da moeda contra o dólar desde março de 2011.

Porém, o restante dos mercados regionais subiu com força.

  • Em Tóquio, o índice Nikkei avançou 1,57%, a 16.757 pontos.
  • Em Hong Kong, o índice Hang Seng subiu 2,71%, a 20.368 pontos.
  • Em Xangai, o índice SSEC perdeu 0,23%, a 2.815 pontos.
  • O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, retrocedeu 0,14%, a 3.059 pontos.
  • Em Seul, o índice Kospi teve valorização de 1,18%, a 1.960 pontos.
  • Em Taiwan, o índice Taiex registrou alta de 1,15%, a 8.396 pontos.
  • Em Cingapura, o índice Straits Times valorizou-se 0,6%, a 2.766 pontos.
  • Em Sydney, o índice S&P/ASX 200 avançou 1,45%, a 5.372 pontos.

(Por Samuel Shen, Pete Sweeney, Hideyuki Sano e Nichola Saminather)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos