Bolsas

Câmbio

Brasil tem superávit em transações correntes de US$1,153 bi em abril, melhor para mês desde 2007

BRASÍLIA (Reuters) - O Brasil teve superávit em transações correntes de 1,153 bilhão de dólares em abril, melhor resultado para o mês desde 2007, cravando seu segundo desempenho consecutivo no azul diante da força da balança comercial.

O dado veio praticamente em linha com expectativa de um superávit de 1,25 bilhão de dólares, conforme apontado em pesquisa da Reuters.

Já os Investimentos Diretos no País de (IDP) somaram 5,577 bilhões de dólares, acima da expectativa de mercado de 5,35 bilhões de dólares.

O superávit nas transações correntes em abril foi fundamentalmente puxado pela balança comercial, que teve um saldo positivo de 6,742 bilhões de dólares, alta de 46 por cento ante igual mês de 2016, num desempenho recorde para o mês.

A performance foi mais que suficiente para compensar a alta em itens como a remessa de juros, que subiu 67 por cento no mês sobre um ano antes, a 2,301 bilhões de dólares, e o envio de lucros e dividendos para o exterior, com alta de 63 por cento, a 944 milhões de dólares.

No mês, os gastos líquidos de brasileiros no exterior também seguiram em trajetória de alta, com crescimento de 51 por cento sobre abril do ano passado, a 908 milhões de dólares.

Nos primeiros quatro meses do ano, o déficit em transações correntes sofreu retração de 51 por cento sobre igual período de 2016, a 3,5 bilhões de dólares. Em 12 meses, o déficit em transações correntes caiu a 1,06 por cento do Produto Interno Bruto (PIB).

Para o consolidado de 2017, o BC enxerga um rombo de 30 bilhões de dólares.

(Por Marcela Ayres)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos