Bolsas

Câmbio

Crise é brutal, mas Congresso precisa cumprir suas responsabilidades, diz relator da reforma trabalhista

BRASÍLIA, 23 Mai (Reuters) - O relator da reforma trabalhista em duas comissões no Senado, Ricardo Ferraço (PSDB-ES), afirmou nesta terça-feira (23) que, apesar da crise política "brutal" e "devastadora", o Congresso precisa cumprir suas responsabilidades.

O senador havia suspendido o calendário da proposta na última semana, quando foram divulgados detalhes de delação envolvendo inclusive o presidente Michel Temer, que passou a responder a um inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF). Ferraço mudou de rumo, nesta semana, e anunciou que iria apresentar seu parecer nesta terça à Comissão de Assuntos Econômicos, como previa seu calendário.

"O governo está em crise. E por isso nós vamos parar de trabalhar?", disse o senador a jornalistas. "Nós não estamos de recesso... a alternativa seria que ficássemos em casa de braços cruzados vendo o país descer ladeira abaixo."

O relator não quis fazer uma previsão, no entanto de votação da proposta nas comissões ou no plenário do Senado.

"Não posso fazer qualquer afirmação sobre os desdobramentos desse debate... o debate vai definir o calendário e o prazo com que isso vai ser deliberado nas comissões e no plenário do Senado", afirmou.

Questionado sobre a possibilidade de a proposta ser votada ainda neste semestre no plenário da Casa, Ferraço respondeu que não pode "afirmar nada com relação à votação".

As reformas trabalhista e da Previdência são as duas principais medidas do governo a tramitar no Congresso. Se antes as propostas já enfrentavam resistência da base, o cenário ficou ainda mais difícil para o governo angariar votos após a divulgação dos áudios e das delações de executivos do grupo J&F implicando o presidente da República e importantes lideranças políticas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos