Bolsas asiáticas seguem direções distintas com investidores atentos a cenário global

Por Hideyuki Sano

TÓQUIO (Reuters) - As bolsas asiáticas fecharam sem direção única nesta quinta-feira, com os mercados chineses menos propensos a risco, enquanto os índices de ações no Japão e na Coreia do Sul ganharam força.

Em geral, investidores receberam bem a notícia de que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e líderes do Congresso norte-americano concordaram em elevar o limite do endividamento do governo até dezembro, eliminando o risco de um apagão da máquina pública no curto prazo.

"O prazo para o teto do endividamento foi prorrogado por apenas três meses, então voltará a assombrar os mercados no fim deste ano. Ainda assim, os mercados gostaram (da notícia), já que não temos que nos preocupar com isso por enquanto", disse Masahiro Ichikawa, estrategista sênior da Sumitomo Mitsui Asset Management.

Por outro lado, as persistentes tensões geopolíticas quanto ao programa nuclear e de mísseis da Coreia do Norte continuavam limitando o apetite por risco.

Investidores devem olhar para o cenário global até surgirem "alguns desdobramentos realmente grandes" na Ásia, de acordo com Taye Shim, diretor de pesquisa da Mirae Asset Sekuritas.

O índice MSCI, que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão, subia 0,46 por cento às 9:44 (horário de Brasília).

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 0,20 por cento, a 19.396 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,33 por cento, a 27.522 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,56 por cento, a 3.366 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,49 por cento, a 3.830 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,14 por cento, a 2.346 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,09 por cento, a 10.538 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,14 por cento, a 3.228 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,00 por cento, a 5.689 pontos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos